Eleições 2018 e o tempo de restaurar todas as coisas

apocalipsis-21-v-5-p

A visão de mundo do Cristianismo faz o cristão ver tudo que acontece nesse mundo do ponto de vista de Deus.
Mesmo na esfera política sabemos que Deus usa todas as coisas para cumprir sua vontade.
Teremos eleições agora em 2018, na verdade faltam apenas 8 meses, e como cristãos, faremos o que Jesus orientou: cumpriremos nossa obrigação civil de votar. (Mt 22:21)

Mas nossa esperança e confiança nunca estará em nada nem em ninguém do sistema desse mundo pois Jesus deixou claro para os judeus na época que Ele veio ao mundo, que Ele não havia vindo como salvador político nem social de problemas na esfera terrena, mas que a salvação que Ele veio oferecer era para livrar o pecador da morte eterna.

Os Judeus sempre esperaram um salvador político e quando Jesus veio, o povo pensou que Jesus os livraria da opressão e da escravidão dos Romanos, Jesus deixou claro que o Reino dele não é desse mundo (João 18:36) mas o povo esperava um Reinado terreno ( João 19:11).
Quando Jesus veio, o povo judeu sofria sob o jugo de Roma, havia escravidão, injustiça social, pobreza, os ricos oprimiam os pobres, ou seja, tudo que vivemos e sofremos em nossa sociedade de hoje, já existia naquele tempo. Nada é novo como diz em Eclesiastes 1:9 – “O que foi, isso é o que há de ser; e o que se fez, isso se fará; de modo que nada há de novo debaixo do sol.” Eclesiastes 1:9

E por que Jesus nunca deu uma palavra contra essas injustiças? nem libertou os judeus da opressão de Roma? Todos estavam cheios de expectativa pelo Messias que havia chegado e colocavam suas esperanças num libertador político e social, esse era o contexto histórico que o povo judeu vivia.
Qual foi a atitude de Jesus diante dessa situação crítica social e política da sua época? Qual foi a proposta de Jesus para a solução do problema histórico do mundo? De opressão, miséria e escravidão? Nenhuma! Jesus nunca levantou uma unha para consertar toda essa podridão. Porque não há cura social para esse mundo!
A grande ilusão da raça humana, a maior de todas as ilusões, é esperar por paz, justiça e prosperidade aqui nessa terra SEM o governo de Jesus Cristo.
Esse é o engano do qual, nós filhos de Deus, filhos da liberdade, devemos estar livres.

Jesus nunca se envolveu com política nem com o que as autoridades faziam contra o povo judeu, nem ensinou aos discípulos sobre se rebelar contra a escravidão e a desigualdade social, mas por quê?
Pela simples questão que Ele veio aqui com apenas um propósito e Ele nunca fez nada que o desviasse da sua missão: vim ao mundo e dar sua vida pelo mundo, morrendo na cruz para levar sobre si mesmo toda a ira de Deus pelos pecados de todos, criando uma nova raça de homens que vivam para Deus, um povo dedicado a Deus.

Jesus explica sua missão e sua atitude de se entregar para morrer por nós tanto a Pilatos em João 18:36-37 quanto aos fariseus em João 10:17-18 quando diz que ninguém tira sua vida mas que Ele a dá espontaneamente.
Os judeus não entenderam que a proposta de Jesus era outra, Jesus não veio para curar a sociedade, sua proposta era de uma sociedade alternativa dentro da sociedade, que Ele chama de Igreja, seu povo. Um povo peregrino, forasteiro, com o coração e os olhos no céu, sem apego a qualquer coisa do sistema desse mundo.

Pedro diz: “de acordo com a sua promessa, esperamos novos céus e nova terra, onde habita a justiça.” (2 Pedro‬ ‭3‬:‭13‬)
Se temos essa promessa, porque vamos colocar qualquer tipo de esperança em uma dessas opções humanas? Seja direita ou esquerda, socialismo ou capitalismo?
O mundo capitalista diz que os bens são do indivíduo.
O mundo comunista diz que os bens pertencem ao Estado.
E a Bíblia diz que “Do Senhor é a terra e tudo o que nela existe, o mundo e os que nele vivem;” (‭Salmos‬ ‭24‬:‭1‬)
Essa é a base pela qual o Senhor vai estabelecer o seu Reino.

Pela luz das escrituras, nenhuma dessas propostas de A ou B é a solução.
Não cremos em solução social baseada em propostas políticas, as coisas só estão piorando e vão piorar.

Jesus disse que tudo isso é um sistema sem solução e que o mundo jaz no maligno ( 1 João 5:19).

Podemos votar em A ou B, mas devemos fazer isso apenas como uma obrigação civil pesada, porque somos obrigados a eleger um deles. E temos que fazer essa escolha de acordo com os valores de Deus, é incoerente um cristão votar em partidos que defendem uma ideologia ateísta oposta e contrária ao cristianismo como os partidos comunistas e socialistas, nesses certamente não poderíamos votar, pois possuem ideologias opostas aos decretos de Deus. A Bíblia é a nossa Constituição e base de nossa fé e vida, toda ideologia que se opuser às Escrituras não receberá apoio de um cristão pois importa obedecer a Deus do que a homens. (Atos 5:29)

Como cristãos, nosso posicionamento quanto à política é contribuir pelo que é bom e justo para a sociedade, então quando algo acontece no cenário político que me dê oportunidade de contribuir e votar pelo que é justo e honrável, que irá honrar a Deus, que irá proteger a sociedade do mau, nesse caso, como cristão, devo votar pelo que está de acordo com os padrões bíblicos.
Mas isso é apenas um dever civil, que está separado do meu chamado de pregar o evangelho, pois somos embaixadores de Cristo e nossa missão é o Ide. O cristão precisa evitar perder tempo poltizando e apenas votar pelo que é justo e proclamar o Evangelho pois o Evangelho é o poder de Deus para salvação de todo que crê e de transformação do indivíduo. (Romanos 1:16)

Escolhemos a democracia pois é um mal menor, porque tudo nesse mundo é podre e mal, só o Governo de Jesus pode resolver toda essa bagunça, mas o governo de Jesus não é desse mundo, é espiritual. Deus não consertará esse mundo, Ele acabará com tudo aqui e haverá novo céu e nova terra (Ap 21:1).

A esperança e confiança do cristão está na promessa de que Jesus voltará para instalar seu Reino de Justiça, nesse novo Reino não haverá mais lágrima, dor, pecado, injustiça nem sofrimento (Ap 21: 4-5) e para fazer parte desse Reino eterno há uma porta e um caminho: JESUS. ( João 14:6)

O último capítulo da história da humanidade já foi escrito por Deus:
“É necessário que Jesus permaneça no céu até que chegue o tempo em que Deus restaurará todas as coisas, conforme já decretou há muito tempo, por intermédio dos seus santos profetas.” Atos 3: 21

Jesus restaurará todas coisas, fará tudo novo. Essa é nossa esperança, enquanto vivermos nesse mundo entregue ao mal, devemos em primeiro lugar ser embaixadores de Cristo, representantes do seu Reino e amar e servir nosso próximo, aliviar as dores dos sofridos e levar o Evangelho de Cristo que transforma os corações.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s