A paixão segundo a Bíblia

Pregação de Samuel Farias no retiro de jovens em MG – 30/07/2016
Quando na Bíblia aparece a palavra paixão, no grego ( que é a língua original do N.T) umas delas que é usada é Pathos que significa receber, que você foi alvo de uma ação. Por exemplo: tudo que Jesus sofreu nos últimos dias da vida dele, incluindo as cuspidas, os socos, os mal tratos, as feridas, até a morte. A bíblia dá a esse sofrimento o nome de “paixão de Cristo”.
Em Hebreus 2:9 fala da paixão da morte quando se refere a morte de Jesus. “por causa da paixão da morte, para que, pela graça de Deus, provasse a morte por todos.”Hb 2:9 – Essa palavra “paixão”não tem a ver com o sentimento de Cristo por nós mas sim com o conjunto de coisas que Cristo sofreu e que no original grego é Pathos- é uma palavra grega que significa paixão, excesso, catástrofe, passagem, passividade, sofrimento, assujeitamento.
É dessa palavra Pathos que vem a expressão patologia na medicina, patologia é o estudo das doenças, doença no sentido que você adquiriu e pegou a doença, gripe por exemplo.Você é alvejado você é vítima.
Na gramática nós temos voz passiva e ativa, passiva veio desse termo Pathos que significa que o sujeito é o alvo da ação, quando dizemos que alguém adoeceu, não é algo que ele fez, é algo que ele sofreu. Tudo isso deriva dessa palavra Pathos/paixão, que não é uma coisa que você escolhe nem faz, é uma coisa que você sofre.
Na mitologia o que simboliza a paixão é um cupido com uma flecha que atira em alguém e a pessoa que foi alvejada pela flecha, se apaixona. É algo que não foi decidido nem proposto por você, foi algo que lhe acometeu.
Essa palavra “paixão” nunca foi usada no Novo Testamento(N.T.) para se referir a amor, nem ao amor do homem pela mulher, nem do amor de Deus por nós nem de nós por Deus. Não há um versículo na bíblia que use essa expressão para dizer: Jesus, estou apaixonado por ti. Não há expressões de “paixão” na bíblia como algo positivo mas na língua portuguesa, a palavra “paixão” tem o status de coisa tão boa que eu não me sinto amando tanto Deus quando eu digo “eu te amo”, mas quando eu digo “estou apaixonado por ti” mas na bíblia a palavra “paixão” se refere a desgraça. Quando dizemos que estamos apaixonados, sentimos um nó na garganta pois como nossa língua foi construída e como a palavra “paixão” foi divulgada, “paixão” é uma coisa boa. Na bíblia a palavra “paixão” não se refere a um bom sentimento, mas na nossa língua quando você vê um marido beijando sua esposa, você diz: que homem apaixonado!
Existe outra palavra bíblica para”paixão” que é Epithumia – palavra grega que significa desejo, anelo, anseio, desejo pelo que é proibido ou luxúria e tem a ver com concupiscência e lascívia. Essa palavra Epithumia é uma palavra ativa, não é algo que você foi vítima, não é algo involuntário, é algo ativo, decidido, que você se empenha, se esmera, se entrega.
. A “paixão” Pathos – você é vítima ( lado passivo da “paixão” )
. A “paixão” Epithumia – você é o vilão, é o autor ( lado ativo da “paixão” )
Essas 2 palavras existem no N.T. – vamos aos textos:
# 2 Timóteo 2:22 -” Fuja também das paixões da mocidade; e siga a justiça, a fé, o amor, e a paz com os que, com um coração puro, invocam o Senhor.”
1. Nesse texto, a ordem é: FUJA das “paixões” da mocidade que aqui é Epithumia – concupiscência, desejo, lascívia, sensualidade exagerada, luxúria.
2. A segunda ordem é: siga o amor, então amor e paixão não são sinônimos pois manda fugir de um e seguir o outro. Escolha seguir o amor!
# Colossenses 3:5 – “Assim, façam morrer tudo o que pertence à natureza terrena de vocês: imoralidade sexual, impureza, paixão, desejos maus e a ganância, que é idolatria.”
1. o primeiro texto manda fugir da “paixão” e esse segundo diz: MATE! Faça morrer! Ou seja, quando você sentir que a paixão está chegando, não a alimente, mas faça morrer, mate-a! Faça morrer a imoralidade sexual, impureza, paixão ( Pathos). Pois aqui você é a vítima, não é uma coisa que você está procurando, mas que pode acontecer, mas a bíblia está mandando você matar isso, faça morrer a paixão lascívia que é o desejo incontrolável – você foi acometido, você só pensa naquela pessoa, e a ordem é matar esse sentimento pois é um pensamento lascivo.
Um cantor fez uma música para expressar a lascívia e a música fez sucesso no mundo todo até em outras línguas e as pessoas diziam: “ah seu eu te pego, delícia, assim você me mata” e repetiam isso com gestos libidinosos e sensuais, pornográficos e lascivos que é o que se refere a libido e quando passava alguém que chamava atenção fisicamente, qual a expressão que vem a mente? “ah delícia, assim você me mata” e a expressão da lascívia gera paixão pq a imagem do corpo do homem e da mulher pode desencadear essa sensação lasciva de desejo, ai você vai ficar pensando naquela pessoa e você não pensar que ele é um bom filho mas vai pensar naquele abdômen sarado que você achou bonito.
Fotos no Facebook com caras e bocas, dentro do banheiro, estão cheias de sugestões e desponta em quem vê, a paixão lasciva, não alimente, mate isso! Ande na luz contando a alguém, peça ajuda, peça oração, faça qualquer coisa mais não deixe crescer não, isso é uma cobra que você está alimentando e a instrução bíblica é: faça morrer!
# Romanos 1:26 – “Por causa disso Deus os entregou a paixões infames e vergonhosas. Até suas mulheres trocaram suas relações sexuais naturais por outras, contrárias à natureza.”
1. A paixão não tem lógica, vc pode se apaixonar por alguém feio, que lhe trate mal, por alguém do mesmo sexo, é desejo descontrolado.
O Diabo é ardiloso e para aprimorar esse sistema de apaixonamento, ele vai desenvolvendo técnicas e métodos e ele tem uma indústria à sua disposição. Existem hormônios sexuais nos animais que são guiados por instintos, como no caso dos cães, um cão não se sente atraído nem apaixonado pela caadela, eles não estão nem ai, mas um dia a cadela libera um hormônio chamado feromônioe quando esse hormônio é liberado, os cachorros ficam doidos, vão atrás da cadela ppor causa do hormônio que o atrai.
Pois os cientistas descobriram que na espécie humana tem hormônios sexuais que produzimos pouco mais que alguns animais produzem muito, são os “animais almiscarados”, produzem o “almiscar” por uma glândula, no caso do boi almiscarado ele libera esse odor e atrai as fêmeas que se tornam receptivas. Esse óleo ou essência é retirado com requintes de crueldade e tortura desses animais, os bois são pendurados de cabeça para baixo e recebem choque ou pancada nos testículos para hipertrofiar e produzir mais aquela substância, que é usada em muitos perfumes que as pessoas compram. Quando são comprados até dizem que o perfume é pra noite. Essa ação de exibir seus cheiros, gestos, roupas sensuais é lascívia.
Há muito tempo o Diabo está trabalhando, Deus destruiu Sodoma e Gomorra pq o povo de lá só gostava de sexo alternativo, a ponto do próprio pecado da homossexualidade ter sido denominado sodomia, tamanha era a maldade de Sodoma e Gomorra. Era um povo tão perverso que quando os anjos foram lá pegar Ló, eles queriam ter relações sexuais com os anjos e tentaram arrombar a casa de Ló para os pegarem a força.
E a Bíblia nos diz que no final dos tempos, será como nos dias de Ló e Noé, de tanta depravação e perversão, então a atração sexual da exibição do corpo e do cheiro e dos gestos, atrai não só pessoas do mesmo sexo, mas todo tipo de gente, esse tipo de atração não atrai para o casamento, atrai para a Pornéia(“relações sexuais ilícitas e impróprias fora do casamento” ou “imoralidade sexual”) e para a Morcheia (adultério).
Então, quem quer casar, não se arme de armas carnais para não fazer apenas ritos de acasalamento. Quem quer casar, ore, busque a Deus, busque o que fortalece a aliança do casamento e não aquilo que fortalece a paixão para que seu casamento não tenha o fundamento errado e naufrague. Pois a paixão acaba e muda de pessoa, a paixão muda de endereço, pois a paixão é um sentimento e quando alguém é casado, pode se apaixonar por alguém fora do casamento, por um colega, amigo ou vizinho, uma mulher por outra mulher e um homem por outro homem. Por isso paixão tem que matar, fazer morrer, você não pode incentivar a paixão nem deixar ela se desenvolver pois a bíblia diz que quando vc vai deixando, vai se entregando a essas coisas, Deus diz: ” agora, eu te entrego à paixão” e acredite: a pior coisa que pode acontecer a alguém é Deus o entregar às suas próprias paixões! É isso que o texto está dizendo, que Deus os entregou a paixões infames e vergonhosas e ai você fica preso naquilo. A bíblia só trata o casamento nos termos do amor e não da paixão.
Tem pessoas presas à uma paixão, escravas, e tem uma música que fala sobre isso: ” você não vale nada mais eu gosto de você, tudo que eu queria era saber porque”. Pq o cara fez tanto sucesso com o mundo todo cantando essa música?As pessoas se identificam com esse sentimento: se você não vale nada e eu gosto de você assim mesmo, isso não é gostar, isso é paixão, catástrofe, sofrimento, você foi vítima de uma paixão, pois você sabe que a pessoa não presta, não te merece, não é que você queria que fosse, te trai, você tenta se separar mais não resite e volta. Você fica sofrida, maltratada, ferida e volta assim mesmo pois está presa pela paixão e não consegue se livrar. Não é uma pessoa que você escolheu, ela não vale nada, mas você gosta assim mesmo lhe fazendo mal e as pessoas se identificam com isso.
Na saga ” O crepúsculo”, uma menina se apaixona pelo seu predador, um vampiro. Sabemos que vampiro não existe, mas existe bandido, traficante, viciado, vagabundo, predador existe e são muitos. E é esse tipo de paixão que é evocado e reproduzido pela fantasia da literatura e dos filmes de Hollywood e despertam paixões assim nos milhares de jovens que assistem e leem essas fantasias. Incentivam: se apaixone pelo seu “predador”, pelo cara que vai lhe maltratar, lhe causar dor, sofrimento, lhe ferir. Tem meninas que até dizem que não conseguem se apaixonar pelo menino bonzinho e comportado e dizem que só se sentem atraídas pelo grosso, vilão e que a trata mal e ignora e isso é um tipo de paixão que não tem lógica nenhuma.
Imagina que o cara que lhe trata bem, vc não gosta dele mas gosta do que lhe trata mal e ignora, te ofende e fere, vc se sente fisgada por ele que é um cara desrespeitoso e mau caráter e que não te merece e mesmo assim vc entrega seu coração a ele. Esses sentimentos não tem lógica e precisamos aprender a matá-los como a bíblia orienta.
Não existe nenhum versículo na bíblia dizendo: ” se apaixone”, encontre alguém para se apaixonar. Paixão não é uma coisa segundo a bíblia.
# Romanos 6:12 – “Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, para lhe obedecerdes em suas paixões”. Epithumia – desejos
1. A paixão se torna um Senhor e você obedece pq ela reina.
2. Você deixa de ser guiado pelo Rei dos Reis e todo-poderoso, deixa de obedecer sua mãe, seu pai, pra obedecer à paixão, um hormônio, uma atração, você vira um animal irracional, sem lógica, transforma um ser humano com livre arbítrio num bicho movido por feromônios. você não pode se permitir escravizar por paixões, sentimentos e hormônios.
3. O cristão é livre, existe um Deus todo-poderoso que nos ama. O Espírito Santo habita em nós e onde Ele habita, há liberdade.
As pessoas que pregam a independência, que sai a qualquer hora da noite, que namora com quem quer, fica com quem quer, eles acham que são livres, mas Jesus explica que eles são escravos de seus pecados. Livre é quem tem Jesus e quando se aprende a se desapaixonar é a melhor coisa que nos acontece.
# Romanos 7:5 – “Porque, quando estávamos na carne, as paixões dos pecados, que são pela lei, operavam em nossos membros para darem fruto para a morte.”
1. As paixões dão fruto para a morte – “assim você me mata”. As paixões operam em nossos membros para dar fruto para a morte. É um vírus que afeta nossa alma, nosso corpo, a paixão é a coisa mais forte na fisiologia humana, o sentimento de paixão é mais forte que o apetite, uma pessoa apaixonada enlouquece, ela briga com seu melhor amigo, com os pais, abandona o Senhor, ela larga os princípios, larga um casamento, paixão não tem lógica e não tem nada a ver com beleza, paixão é mentira, é morte, cuidado com a paixão.
# Gálatas 5:24 – “Os que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a carne, com as suas paixões e os seus desejos.” – Paixão é da carne, o cristão está em Cristo.
# 2 Timóteo 3:6 – “São estes os que se introduzem pelas casas e conquistam mulheres sobrecarregadas de pecados, as quais se deixam levar por toda espécie de paixões”. – Conduzidas por paixões e carregadas de pecados.
# Tito 2:12 – “Ela nos ensina a renunciar à impiedade e às paixões mundanas e a viver de maneira sensata, justa e piedosa nesta era presente.”
1. renegar às paixões mundanas e viver de maneira sensata – a paixão tira a sensatez, tira a justiça e a piedade.
Olhe os verbos que a bíblia usa para tratar com a paixão: mate, rejeite, renegue, fuja, renuncie. Paixão é o demônio disfarçado de coisa boa. Tenha cuidado com a paixão.
# Tito 3:3 – “Houve tempo em que nós também éramos insensatos e desobedientes, vivíamos enganados e escravizados por toda espécie de paixões e prazeres.”
1. Antes de vivermos para Jesus, vivíamos assim: servindo a vários tipos de paixões e éramos escravos de paixões.
As pessoas cantam: “assim você me mata” e cantam rindo, estão dizendo: estou indo pro precipício, vou afundar, vou me dar mal, que delícia, que delícia! As pessoas cantam sua própria destruição e riem. Tem outra música que diz: ” é o bicho, é o bicho, vou te devorar” e Satanás chegando na vida delas para as devorar, as destruir e ela nem se percebem. Mas nós cristãos, temos que cantar uma música diferente, pois somos povo livre do Senhor.
A paixão não deixa você casar com quem você quer, você casa com a pessoa que lhe atraiu por hormônios e depois que você está casado e a paixão acaba, você se pergunta como se casou com aquela pessoa.
O casamento é livre da paixão, podemos de verdade escolher alguém no Senhor. Quando a paixão entra, quem escolheu foram os hormônios, o cheiro, a sensualidade, obras da carne, nada disso sustenta o casamento. São bases erradas para o casamento.
Uma dos significados de paixão Epithumia é ansiedade, agonia – essa pressa e essa agonia leva a pessoa tomar decisões erradas e precipitadas.
# 1 Pedro 1:14 – Como filhos obedientes, não se deixem amoldar pelos maus desejos de outrora, quando viviam na ignorância. – Como filhos da obediência, não tomem a forma, não se amoldem às paixões. Jesus foi obediente e sem argumentações.
# 2 Pedro 1:4 -Por intermédio destas ele nos deu as suas grandiosas e preciosas promessas, para que por elas vocês se tornassem participantes da natureza divina e fugissem da corrupção que há no mundo, causada pela paixão. – a cada texto que lemos, a paixão está relacionada a uma coisa ruim, nesse, diz que a paixão Epithumia, corrompe.
# 2 Pedro 2:10 – Mas principalmente aqueles que segundo a carne andam em paixões de imundícia, e desprezam as autoridades; atrevidos, obstinados, não receando blasfemar das dignidades; – andam em muitas paixões , menosprezam os pais, as autoridades, a Palavra de Deus, e dizem: ” não tem nada a ver”. Atrevidos e arrogantes, a paixão faz isso.
# 2 Pedro 2:18 – “falando coisas mui arrogantes de vaidades, engodam com as paixões da carne, e com dissoluções, aqueles que se estavam afastando dos que andam em erro.” – enganam, engodam com paixões carnais os que estavam prestes a fugir do erro, com sua libertinagem, forma descolada de ser.
# 2 Samuel 13 – esse capítulo de Samuel conta a história de como Aminon, filho do rei Davi se apaixonou por sua meia-irmã Tainá, a ponto de adoecer. Uma história com frutos de morte e desobediência.
As pessoas se identificam com as histórias dos mitos com o “cupido do amor” e dos contos de fadas, dos príncipes por causa da figura que existe na mente inconsciente das meninas que se apaixonam pela figura que criam para si mesmas e pela imagem que os filmes e a TV estimula essa paixão na figura de heróis e belos atores.
Na verdade ninguém se apaixona por uma pessoa, mas pela imagem que projeta na pessoa e o problema é que quando a paixão acaba, você vai finalmente conhecer aquela pessoa com quem vc casou e que é real. A música é a arte de expressar emoções e sentimentos através de letras e melodias e as pessoas se identificam com elas pois todas sentem o mesmo.
A paixão é um engano e uma mentira. O mecanismo de apaixonamento é uma tese de um psicólogo norte-americano Robert Stenberg, ele explica a paixão nesses termos, como uma ilusão e mistura de hormônios. A paixão sempre acaba, o fígado da gente destrói moléculas químicas que estão em excesso, por exemplo, quando uma pessoa fuma maconha pela primeira vez, é uma viagem muito louca mas se usa todo dia, deixa de fazer aquele efeito pq cada vez o fígado aprende a destruir as substâncias químicas da maconha ai o cara tem que usar mais e mais para ter aquela emoção e chega uma hora que vai ter que ir pra algo mais forte e o mercado oferece e renova as drogas o todo todo para saciar essas necessidades.
Após 18 meses, o fígado se aperfeiçoa em eliminar aqueles hormônios gerados pela paixão e fisiologicamente, a paixão tende a terminar. Se existe uma chama que alimente essa paixão, pode ser o pecado, o proibido, a tentação, a saudade, a ausência, a distância, isso pode se prolongar.
Mais a Bíblia diz que o amor jamais acaba, o amor não é um sentimento como a paixão é, o amor é um verbo, o verbo amar na bíblia é uma ordem nos dada por Deus.
Olhe o que a bíblia fala sobre o amor:
“O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal; Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade; Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor nunca falha”. – 1 Coríntios 13:4-8
O amor é a base certa para o casamento – é o que o faz durar e funcionar. Toda referência de amor na bíblia tem como base o amor de Deus, pois Deus é o próprio amor.
Jesus nos deu uma ordem, um mandamento de amar: “Um novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como Eu vos amei; que dessa mesma maneira tenhais amor uns para com os outros.” – João 13:34
Outra ordem aos maridos: “Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela. ” – Efésios 5:25
Não se pode ordenar a alguém: se apaixone por essa pessoa agora! Paixão é uma coisa que você pega. Mas o amor é uma ordem. A bíblia diz: ame! Maridos, amem suas esposas, não diz: se você sentir alguma coisa por ela…diz, está casado, é marido? ame sua esposa! E como é o amor? tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor é o que fica quando o sentimento acaba. é aquilo que fica quando a química acaba. O amor sustenta o relacionamento.
Precisamos entender bem o funcionamento disso e lutar contra as paixões da carne e favorecer o amor em nossa vida. A paixão é uma conspiração da alma e do corpo contra o próprio espírito e contra a própria mente, e é carregada de hormônios, sensações e impulsos. A paixão aloca para si todos os instintos der sobrevivência, de desejo, sensualidade sobre o corpo e é muito difícil se desapaixonar.
Você não pode impedir que um pássaro faça cocô em sua cabeça, mas você pode limpar e impedir que ele faça um ninho. Ou seja, você não pode impedir que um pensamento mau venha, mas pode impedir que ele se aloje, pode não hospedar um pensamento impuro, pode fazer morrer a paixão que comece. Não baseie seu relacionamento na paixão. A base de sucesso para o casamento é o amor segundo Deus. Amor e paixão são coisas diferentes.

Testemunho de desapaixonamento de Samuel Farias e de seu noivado:
Versículo anti-paixão, o versículo que Deus usou pra curar meu coração de uma paixão que tive na faculdade:
“Alegrem-se sempre no Senhor. Novamente direi: alegrem-se! Seja a amabilidade de vocês conhecida por todos. Perto está o Senhor. Não andem ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e súplicas, e com ação de graças, apresentem seus pedidos a Deus. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os seus corações e as suas mentes em Cristo Jesus.” – Filipenses 4:4-7
1. Perto está o Senhor- o Senhor está perto de vc, de nós, nós não estamos sozinhos nessa.
2. Paixão é ansiedade- não fique ansioso por coisa alguma, apresente a Deus suas preocupações
3. A promessa: E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os seus corações e as suas mentes em Cristo Jesus.
Eu cri que meu coração não estava à toa, não estava à disposição daquela amargura, daquela ansiedade e daquele sentimento ruim e descansei em Deus. Comecei a orar pela esposa que iria ter, nunca tinha orado por uma esposa, tive uns relacionamentos na igreja mas estava insatisfeito com aquilo, Deus já estava ministrando em meu coração.
Eu orei assim: Deus, eu não sei com quem eu vou me casar, mas tu sabes, guarde-a pra mim pois eu vou me guardar pra ela. E o Espírito Santo colocou no meu coração que antes de eu procurar essa mulher pra mim, eu deveria ser um homem que a merecesse e comecei a me preparar pra ser um homem pronto.
Fui trabalhar no meu relacionamento com minha mãe, minhas irmãs, nas mágoeas que tinha com elas e que me impediam de ter amigsas mulheres, fui estudar, me dedicar à minha profissão, comecei a guardar dinheiro, não gastava quase nada comigo, nem tinha muitas roupas, guardava tudo, ganhava muito pouco.
Com 18 anos meu pai me colocou como tesoureiro da casa, eu administrava o salário dele, o meu e da minha máe, aprendi a economizar, a fazer feira, a usar bem o dinheiro.
Em 1994 começamos a nos observar, ela já era minha amiga, e agora íamos nos relacionar com esse foco, será que Deus quer que nos tornemos marido e mulher? O foco não era nos apaixonar, trocar cartinhas, emoções, nada disso, era se conhecer pra saber a vontade de Deus. Na observação eu tinha que conhecê-la e não desfrutar dela e meu instinto queria beijar, tocar, namorar, estar perto, mas não fizemos isso.
Tem uns relacionamentos que é só se curtir, e alimentar a paixão, não estão se conhecendo de verdade, estão mascarados pela paixão. Depois de muito orar, Deus me deu convicção que era ela a mulher da minha vida, já era minha amiga, não era baseado em paixão pois não alimentamos isso, tinha sentimento, atração, e decide me declarar e a pedir em casamento. Ela morava sozinha na época e fui no apto dela com meu companheiro de oração que hoje é pastor comigo para pedi-la em casamento pra não dar lugar ao pecado pois a carne é fraca. Ela me ouviu calada e no final disse que havia orado muito e avaliado o futuro ao meu lado pois ela estudava matemática e queria fazer mestrado e doutorado fora do país e tinha receio de nossos futuros serem incompatíveis pois sabia que eu almejava ser pastor. Mas que depois de orar muito, ela aceitava casar comigo e aceitava abrir mão dos sonhos dela pra realizar o meu de ser pastor ao meu lado.
No dia do nosso casamento eu disse tudo que sentia a ela pois não vivia dizendo coisas pra ela pois até precisamos desviar os olhares que falam mais do que palavras, pra não pecarmos. Santidade, pureza, amizade e compromisso são bases sólidas para um casamento feliz e saudável. Hoje, temos 20 anos de casados e 3 lindas filhas.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s