Vamos falar sobre intolerância

 

O Movimento LGBT está a tentar enfiar goela abaixo na América, no Brasil e no mundo uma cultura que sustenta a mentira de que a homossexualidade é algo normal e natural. Tudo está sendo empurrado nessa direção: as escolas estão com materiais didáticos para crianças de 6 anos falando sobre sexo e homossexualidade, livros de historinhas infantis já incluem esse assunto para programar a mente da criança a achar normal esse comportamento sexual, os desenhos animados também estão acrescentando personagens gays, a ideologia de gênero vomita a mentira que ninguém nasce nem homem nem mulher, ou seja, estão investindo pesado na mídia e nas escolas para influenciam todo uma geração.

Só os cegos e mentes cauterizadas não estão percebendo todo esquema desse sistema que está a tempos preparando a mente da massa popular para que enxerguem o homossexualismo não como uma opção pessoal de alguém mas como quase uma imposição para a sociedade de forma coletiva e sem dar opção de discordância, isso é intolerância. Se um movimento defende uma idéia ou ideologia e não permite um grupo de discordar e defender outro ponto de vista, o que se chama isso? Autoritarismo. Só é olhar para os maus exemplos da história e constatar o autoritarismo e a intolerância do Movimento LGBT disfarçado de “somos uma minoria vitima de preconceito”, essa ideologia do vitimismo é usada no feminismo e no racismo de forma semelhante.
Escolher se você vai ser homossexual é uma opção pessoal e individual apenas sua, do indivíduo que colherá as consequências de sua escolha, das quais uma bem clara é a incapacidade de procriar por serem dois seres do mesmo sexo. Me veio a mente as aulas de Biologia que mostrava o simbolo de macho e fêmea, falava sobre as diferenças entre o corpo do homem e da mulher, as diferenças biológicas, químicas, fisiológicas, enfim, até o velho e bom cromossomo X, feminino, e o Y, masculino. Tudo era muito claro e definido e as poucas exceções que existem na natureza, conhecíamos de cor por serem exceções.

Assim como, escolher sua opção como heterossexual é opção individual e pessoal, natural e da maioria. Uma minoria não pode impor sua opção a uma maioria e vice-versa. Ser um heterossexual não implica em impor ao homossexual sua opção, implica que temos o direito de ser héteros e de ensinar aos nossos filhos que esse é um natural da criação e na natureza como um todo.
Aqui entramos no ponto crucial desse assunto: Deus. O Criador de todas as coisas, assim como um fabricante de uma máquina produz seu manual de uso correto da máquina, ao criar o Universo e o homem, definiu suas Leis, instruções de uso e vida. Leis da Física, da Biologia, da Química, do Universo, Leis Naturais nas quais o homem não pode intervir, quem pode alterar a Lei da Gravidade a não ser o próprio Criador do Universo? O homem não criou nenhuma Lei da Natureza, apenas as descobriu. O homem é incapaz de criar um ser vivo, só estuda a vida. O homem é incapaz de criar uma equação química, só as descobriu porque quem as definiu em sua total perfeição de cálculo foi Deus.

O homem não define o pecado, Deus definiu. Ele nos criou, nos ama, e nos dá instruções sobre como viver na Bíblia. Ele deixou claro em sua Palavra, a Bíblia, que a homossexualidade não é seu design e é um pecado. Depois que Adão decidiu se tornar independente de Deus, seu coração e consequentemente todo seu comportamento foi desviado pelo pecado, Adão decidiu viver como dono da sua vida e como lhe agradava sem se preocupar em fazer mais a vontade do Pai e essa atitude passou à toda humanidade e estamos num nível de degradação moral que cresce proporcionalmente à rebeldia do homem contra Deus, o homem tem afrontado cada vez mais as leis de Deus achando que escapará do seu julgamento.
É preciso coragem para enfrentar a maré alta do politicamente correto no nosso mundo de hoje pois os intolerantes nem permitem que o Cristão defenda sua fé e os cristãos de todos os tempos e em todos os lugares possuem a Bíblia como Palavra de Deus e como sua única regra de fé, prática e direção de vida. Nossa fé e nosso Deus não se altera de acordo com a sociedade e o comportamento humano. Nosso Deus é Deus eterno que nunca muda, é absoluto, suas Leis são eternas, sua Palavra dura para sempre. Para um cristão o que importa é o que Deus define, nem a Lei dos Homens, nem filosofias humanas, nem políticas definem as convicções de um cristão. Deus está acima de tudo e de todos.

A prática da homossexualidade não tem nenhum amparo na Palavra de Deus. É uma distorção da criação de Deus (Gênesis 2.24; Mateus 19.3-9). Para se aprovar essa conduta é preciso relativizar a Palavra de Deus e em Deus, nada é relativo, tudo é absoluto. Deus é Deus, Ele cria, estabelece, define e não o homem. isso é visto como intolerância pelo homem que quer viver da sua maneira sem se importar com o fato de ofender a Deus e de afrontá-lo com suas escolhas depravadas. Porém, a consciência dos cristãos está cativa da Palavra de Deus.
Podem até discordar da Palavra de Deus e rejeitá-la, isso é uma escolha pessoal de cada um mas impor ao Cristão aceitar a prática de algo que a Bíblia condena é intolerância pois trata da fé e dos valores do cristão. Assim como o Alcorão tem suas práticas e definições e impõe de forma intolerante sua prática e proíbe que discordem da sua Lei, desse mesmo modo, o movimento LGBT está agindo com os cristãos de forma desonesta usando a desculpa esfarrapada de que o cristão é preconceituoso ao condenar suas práticas.

Todo cristão tem o direito de discordar da prática de qualquer coisa de acordo com sua fé e isso não significa ser intolerante nem preconceituoso ou homofóbico. O direito da livre manifestação do pensamento é uma garantia constitucional, diz o artigo 5º, inciso IV, da Constituição Federal de 1988. Eu penso, eu analiso, eu tenho meu entendimento das coisas, tenho meu ponto de vista, o meu pensar não pode ser definido pela imposição dos costumes ou do comportamento de um grupo e sim pelos meus valores e minhas convicções, minha vivência e experiências. A imposição de pensamento e doutrinação são característica do Autoritarismo, onde fica minha liberdade de pensamento e meu senso crítico? Não sou um robô programável, o coletivismo destrói os direitos do indivíduo para sobrepor os direitos e interesses de um grupo.
O argumento de homofobia a um cristão que se posiciona contra à sua prática mas não contra o indivíduo homossexual, é no mínimo maquiavélico e de uma desonestidade intelectual imensa, pois a maioria da massa nem sequer consegue ter pensamento próprio, é manipulada pelos meios de comunicação e pelos fazedores de opinião, não conseguem nem formular seu próprio senso crítico e só repetem as idéias superficiais que ouvem.
Eu sou cristã, tenho 4 anos de convertida, 4 anos que conheci Jesus e que me importo em não mais ofendê-lo, 4 anos que entreguei o “volante” da minha vida a Jesus, 4 anos que quero seguir seus passos, andar em direção à Ele e não ao mundo, por isso se chama conversão, eu estava numa direção, e Jesus me converteu na direção dEle, a vontade dEle é acima da minha vontade e hoje eu desejo de todo o meu coração fazer sua vontade. O mundo hoje se preocupada em não ofender nenhuma das “minorias vítimas de preconceitos”, por sua cor, raça, opção sexual, pêso, etc…o mundo só não se preocupada em ofender a Deus, O ignora e segue O afrontando como se fossem ficar impunes para sempre.

Eu temo a Deus e não a homens. Eu agrado a Deus e não a homens. Mas assim como Jesus me amou, eu amo o meu próximo, seja ele homossexual, mulher, homem, gordo ou magro, brasileiro ou de outra pátria, sabe porque? Porque Jesus nos deu uma mandamento: Ame ao seu próximo como eu te amei. E acredite: eu não merecia ser amada por Deus. Quem sou eu para não amar quem estar ao meu lado? seja essa pessoa quem for?
Discordar não é desrespeitar. Respeitem minhas convicções.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s