O Deus que permite a dor

 

‘Eu formo a luz, e crio as trevas; eu faço a paz, e crio o mal; eu, o Senhor, faço todas estas coisas.’ Isaías 45:7
Nos nossos dias é natural falar de Deus como o Deus que abre portas e faz milagres e abençoa mas é raro falar de um atributo de Deus chamado Soberania, é raro falar de Deus como o Deus da permissão, no versículo acima Deus declara que Ele faz todas as coisas, ou seja, tudo que acontece está sob o controle dEle, isso é ser Soberano, ter o controle de tudo e usar tudo que acontece, de bom ou de ruim para cumprir sua vontade e seu propósito.
O mal só pode chegar na nossa vida, com a permissão de Deus, uma doença, a perda de alguém que amamos, o desemprego, problemas, tribulações, qualquer situação só chega em nossa vida com a permissão de Deus pois Ele está no controle de nossa vida.
Genesis 2: 4 – diz que Deus fez a terra o céu e tudo que existe, veja como Ele é grande!
Isaíais 66:1 – diz que a terra é escabelo (banco para apoiar os pés) dos pés de Deus, veja a grandeza de Deus!
Isaíais 40:12 – diz que Deus mediu nas conchas de suas mãos as águas do planeta!
Hebreus 1:3 – diz que Deus sustenta todas as coisas por seu poder.
Deus é grande, quem manda é Ele, tudo que Ele permite que aconteça em nossa vida é para nos despertar e nos atrair para Ele e para o nome dEle ser glorificado em nossa vida.
Tudo que aconteceu com Jó foi permitido por Deus, para o inimigo tocar na vida de Jó, teve que haver permissão de Deus primeiro pois Deus tinha um propósito em tudo que aconteceu.
Se Deus está permitindo uma doença, uma dor, um sofrimento, uma tribulação em sua vida, ele tem um propósito de vida nisso, Ele não quer sua morte, seu fim, Ele quer te atrair para Ele e quer que o nome dEle seja glorificado em sua vida.
Tem dias que queremos entender Deus, que queremos perguntar porque Ele está permitindo tantas dificuldades em nossa vida, tantas lutas e lágrimas, Jó quis fazer perguntas a Deus e ai Deus fez perguntas a Jó: “Onde estavas tu, quando eu fundava a terra? Responda-me, se tens inteligência.” Jó 38:4. e segue por todo o capítulo 38 fazendo perguntas que levam Jó a ter consciência da sua grandeza.
Ele não perguntou isso para humilhar Jó, Ele queria que Jó enxergasse quem ele era e quem Deus era. Em resumo, a mensagem que deu a Jó em meio toda aquela tribulação, for e perda dele foi: Eu sou Deus, estou no controle de tudo e isso basta.
A pergunta correta que devemos fazer diante das lutas e tribulações não é por quê isso Senhor? mas sim, para que isso Senhor? O que queres de mim Senhor? o que queres me ensinar permitindo isso em minha vida? Precisamos ver Deus como Ele é: Deus! Precisamos nos ver como somos: servos!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s