É claro que o mundo vai nos odiar

image
Jesus disse: Vocês pensam que vim trazer paz à terra? Não, eu digo a vocês. Ao contrário, vim trazer divisão! (Lucas 12:51 NVI)

Porque Jesus disse isso?

Respondo: quando Jesus se esvaziou de sua glória nos céus e veio nascer do ventre de Maria, tornando-se homem como uma de suas criaturas, Ele não veio apenas salvar a humanidade, Ele veio estabelecer o Reino de Deus aqui na terra e anunciar as boas novas do Governo de Deus sobre a vida do homem, homem que vive para si mesmo, cheio de si mesmo e longe de Deus. Homem que herdou de Adão a independência e rebeldia contra Deus.
O Reino de Deus é onde Deus reina e onde Jesus é o Rei dos Reis e o seu Reino não é desta terra.
Quando Deus converte o coração de um homem, converte-o ao seu governo e esse homem se arrepende de seu pecado de mandar em sua própria vida e submete-se ao governo de Deus, passando a viver sob o Reinado de Deus, tendo Jesus como autoridade máxima em sua vida e tendo as Leis de Deus e seus mandamentos como Lei Suprema e absoluta de sua conduta.Daí nascem todas as polêmicas e problemáticas com as práticas e comportamento dos cristãos.

A vida de um convertido ao Governo de Deus é orientada pelas Leis de Deus e não pelas leis dos Homens, todo cristão vive para agradar ao seu Senhor e não a si mesmo, e deseja de todo coração não ofender ao seu Deus em suas ações e mesmo em seus pensamentos.
Esse modo de vida vai de encontro a tudo que o mundo prega e impõe, o mundo prega que o homem seja feliz custe o que custar, o objetivo máximo do homem é ser feliz não importando o que faça para alcançar seu desejo, se for ofender a Deus ou não, pouco importa pois os mandamentos de Deus não são levados em consideração. Os homens são seus próprios deuses e fazem suas próprias leis para se deleitarem em seus próprios prazeres.
Jesus nos avisou que o mundo nos odiaria porque não pertencemos a esse mundo, nem estamos debaixo das Leis nem dos valores desse mundo, lemos isso em João 15:18-21, 23: ” o mundo os odeia, tenham em mente que antes me odiou.
Se vocês pertencessem ao mundo, ele os amaria como se fossem dele.
Todavia, vocês não são do mundo, mas eu os escolhi, tirando-os do mundo; por isso o mundo os odeia.
Lembrem-se das palavras que eu disse: Nenhum escravo é maior do que o seu senhor. Se me perseguiram, também perseguirão vocês…
Tratarão assim vocês por causa do meu nome, pois não conhecem aquele que me enviou. Aquele que me odeia, também odeia o meu Pai. (João 15:18-21, 23 NVI)

Sob a desculpa dos direitos humanos e de ser “laico” tudo o que é pernicioso tem sido permitido e o que poderia ser benéfico e moral tem sido boicotado, principalmente se for relacionado à fé cristã.
A partir daí nós cristãos, somos todos tratados como idiotas, intolerantes, sectários e atrasados, para ser no mínimo educado. Já fui chamada de fanática dentro de minha casa.

Seremos perseguidos por agradar a Deus, por não mentir, por viver em santidade até o casamento, por não adulterar, por não enganar nem roubar, por perdoar quem nos odeia, por não dar o troco na mesma moeda, por não idolatrar o dinheiro e o sucesso nem outros deuses, por não querermos a glória pra nós mesmos mas para Deus.
Seremos perseguidos por nos posicionarmos contra o aborto, contra o assassinato de pessoas doentes e defeituosas, contra a alteração do casamento como Deus estabeleceu entre um homem e uma mulher para formação da família, contra todos os pecados que estão sendo tratados como aceitáveis debaixo de desculpas de liberdade e direitos humanos.

Seremos perseguidos e odiados quando nos posicionarmos contra o governo do homem que só quer satisfazer o seu próprio ventre.
Seremos perseguidos e odiados quando nos posicionarmos a favor do governo de Deus e da obediência aos seus mandamentos.
Seremos criticados, perseguidos, rejeitados e até odiados quando falarmos que a vontade de Deus, suas Leis e mandamentos estão acima da vontade corrupta e egoísta do homem.
Seremos massacrados quando falarmos que pecado é tudo que ofende as Leis de Deus, quando declararmos que Deus abomina a idolatria nos odiarão por desejarem adorar seus próprios deuses.

Se ofenderão quando declararmos que Deus criou homem e mulher e instituiu a família pelo casamento porque estão entregues aos seus desejos carnais e desafiarão a Deus mesmo indo contra sua própria natureza.
Isso tudo é fruto de uma atitude do coração rebelde do homem, um coração depravado pelo pecado que enfrenta o seu próprio Criador para não dar a Ele o governo nem o domínio sobre sua vida.

Mas Jesus diz a igreja:

“Bem-aventurados os perseguidos por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus. Bem-aventurados sois quando, por minha causa, vos injuriarem, e vos perseguirem, e, mentindo, disserem todo mal contra vós. Regozijai-vos e exultai, porque é grande o vosso galardão nos céus; pois assim perseguiram os profetas que viveram antes de vós” (Mateus 5:10-12).

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s